Category Archives: Trabalhos de amarração

Trabalhos de amarração

00
Partilhe recomende ou vote neste artigo

Trabalhos de amarração

trabalhos de amarração feitos com recurso aos ensinamentos  escritos de são Cipriano, eles são os mais poderosos trabalho de amarração que existem.

Nesses trabalhos de amarração, são usadas técnicas e saberes de são Cipriano, (técnicas de trabalhos de amarração, conforme descrito nos escritos ocultos e milenares ensinamentos de são Cipriano), conforme assim está escrito na obra de são Cipriano:

 

ir ao cemitério, ao entrar, pede-se licença ao povo do cemitério (…) depois de tudo pronto, chamar o povo do cemitério (…) este trabalho de magia negra, deve ser feito (…) sendo as horas apropriadas: 6 horas – 12 h horas – 18 horas – 24 horas

Obra de são Cipriano, volume «Autêntico tesouro da magia branca e da magia negra ou segredo da feitiçaria», cap 13º, pag 244

Trabalhos de amarração

Então:

são a estes ensinamentos – e muitos outros – que se deve observar quando se estão a fazer poderosos trabalhos de amarração!, fazendo-se esses trabalhos de amarração conforme os ancestrais e milenares saberes ocultos de são Cipriano.

Assim sendo:

trabalhos de amarração deste poder, eles são trabalhos de amarração de grande complexidade, pois eles exigem a feitura de rituais,( envolvendo dispendiosos recursos), que são oficiados ao longo de 6 horas, para depois, ( findas as 6 horas), irem ser entregues e assentados em terra de cemitério, sendo que logo a seguir mais renovados e reiterados rituais de amarração são repetidos nas 6 horas seguintes para depois serem também entregues e assentados em terra de cemitério, e assim vai sendo sucessiva e consecutivamente feito de 6 em 6 horas ao longo de períodos que podem ir de 11 dias a 14 dias consecutivos!, sempre sem parar!, e sempre respeitando as horas indicadas pelo ensinamento de são Cipriano.

Mesmo durante o período nocturno , ( noite a dentro!), os rituais dos trabalhos de amarração persistem a ser celebrados, para logo ás 6 da madrugada estarem a ser depositados em terra de cemitério, e começar-se novamente e pelo dia inteiro, ( dia após dia!, e sempre nos horários ensinados pelo santo), a oficiarem-se os trabalhos de amarração, com todas as despesas e custos que laboriosos trabalhos de amarração como estes implicam!

Trabalhos de amarração2

Assim sendo:

Nesses trabalhos de amarração, o trabalho de amarração vai sendo ininterruptamente infestado na pessoa amarrada ao longo de vários dias, sempre a cada 6 horas que passam, e por isso em certos casos é até possível , ( nem em todos os casos isso acontece, pois pretende-se que o trabalho seja o máximo discreto e indetectável para a pessoa atingida!), é até possível verificar que a pessoa sob influencia dum trabalho de amarração com esse, ela vai ter algumas reacções estranhas nessas mesmas horas – ou antes ou depois delas – ( as 6 horas – as 12 h horas – as 18 horas – as 24 horas), pois é como se nessas horas, ( ou então antes ou depois dessas horas), essa pessoa estivesse a ser espiritualmente alfinetada por rituais de natureza vodu, que podem fazer a pessoa ficar algo indisposta, ou contrariada, ou incomodada, ou irritada, ou susceptível, ou sensível, ou quieta e calada, ou alterada, ou como se não estivesse em si mesma, ou ébria, ou afastando-se e isolando-se, ou ficando meia apática, ou ficando a ir e vir do mandante do trabalho de amarração, ou sendo tomada de uma euforia sem explicação e a ter comportamentos contraditórios  com o trabalho em curso!, pois a pessoa mesmo não sabendo está sendo enfeitiçada!, e por isso é normal que ela reaja dessas formas!,  pois que apesar dessa pessoa não saber conscientemente, porem o seu espirito sabe que está a ser amarrado!, e por isso num trabalho de amarração amorosa, a pessoa – mesmo sem saber porquê! – pode acabar por manifestar algumas dessas reacções.

E depois dos trabalhos de amarração estarem feitos?, o que sucede?

Trabalhos de amarração3

Responde-se:

sucede que os trabalhos de amarração feitos com tais técnicas e ensinamentos de são Cipriano, eles são trabalhos de amarração que agem  como uma trela que se coloca num cachorrinho, e que daí em diante permitem levar a pessoa amarrada – por esses trabalhos de amarração – para onde se deseja.

Por isso:

é isso que os trabalhos de amarração fazem!, pois a função dos trabalhos de amarração é amarrar a pessoa que se quer!, da mesma forma que se coloca uma trela no cachorrinho que se quer, para que assim fazendo-se então esse mesmo cachorrinho não fuja, nem vá para longe, nem se perca do seu dono.

Pois assim sendo:

estando os trabalhos de amarração feitos, então é isso que sucederá, e por isso – depois do trabalho de amarração estar feito – é uma questão de ficar quieto, e de deixar os trabalhos de amarração cumprirem com a sua função e instalarem-se em espirito e no espírito da pessoa que foi amarrada pelos trabalhos de amarração, pois que dai em diante essa pessoa já está em espirito tão amarrada como um cachorrinho amarrado pelo pescoço numa trela!

E porem, você pergunta:

nesse caso, porque é que – por vezes – a pessoa não vem no minuto seguinte aos trabalhos de amarração estarem feitos?

Responde-se:

um cachorrinho atrelado por uma trela, (apesar dele estar amarrado pela sua trela), porem é livre de ladrar, de se debater, de teimar e de ser casmurro com o seu dono!, e ele assim o fará conforme quiser e entender!, pois colocar-se uma trela num cachorrinho não faz dele um boneco sem vida!, nem um vegetal!

E porem:

a verdade é que de tanto espernear, de tanto barafustar, de tanto teimar e de tanto protestar, o cachorrinho acabará por entender que não há alternativa senão amansar, ceder, e seguir pelo caminho que o seu dono mandar!

Pois então:

o mesmo sucede com a pessoa amarrada por trabalhos de amarração, ou seja:

não é porque a pessoa foi amarrada por trabalhos de amarração que ela vai ficar burra!, nem vai virar um vegetal!, nem isso se pretende de uma amarração!, porque se assim fosse então toda a gente ia notar –  incluído a própria pessoa – que tinha sido amarrada por trabalhos de amarração!, e isso não é bom!, pois pretende-se sempre que os trabalhos de amarração sejam imperceptíveis e invisíveis!, e que assim sendo então a pessoa amarrada por trabalhos de amarração pareça ter caído normalmente nos braços de quem a mandou amarrar!, e sem que se levantem suspeitas a ninguém!, nem á própria pessoa!, que certamente ia achar anormal ter – de um dia para o outro – virado um boneco nas mãos de outra pessoa!, pois que para que os trabalhos de amarração deem a ideia de tudo ter ocorrido com naturalidade e fruto do amor, então esses mesmos trabalhos de amarração não podem causar suspeitas gerando efeitos extravagantes demais !

Então:

Conforme acontece com um cachorrinho a quem se colocou uma trela no pescoço, e que porem fica de livre de protestar, mas que porem de tanto barafustar e de tanto teimar porem o cachorrinho acabará por entender que não há alternativa senão amansar, ceder, e seguir pelo caminho que o seu dono mandar!, assim o mesmo acontece com a pessoa amarrada por trabalhos de amarração!, e assim sendo:

a pessoa amarrada por trabalhos de amarração ficará em espirito amarrada!, e porem ela não vai virar um vegetal!, nem vai ficar burra!, ( nem se pretende que isso aconteça para não levantar suspeitas!), e por isso ela vai ficar livre para protestar, para espernear, para barafustar, para teimar como quiser!, que porem ela vai sempre acabar por ceder!, e entender que apenas ao lado de quem a amarrou é que essa pessoa amarrada se sente sem problemas, sem contratempos, sem adversidades, e que por isso a pessoa amarrada por trabalhos de amarração vai sempre acabar por ceder naturalmente!, e sem levantar suspeitas nem á própria pessoa, nem a quem rodeia essa pessoa!

Por isso:

depois dos trabalhos de amarração estarem feitos, então não fique todos os dias matutando nem preocupado!, mas antes fique confiante, fique sereno, fique quieto, e deixe o trabalho de amarração actuar!, pois olhai:

os trabalhos de amarração estando feitos, então eles estão feitos!, e eles desceram e ficam instalados na pessoa amarrada pelos trabalhos de amarração!, e essa é a função dos trabalhos de amarração!, que é em espirito amarrar a pessoa amarrada por trabalhos de amarração!, conforme a função da trela é prender o cachorrinho pelo pescoço!, e uma vez essa trela – os trabalhos de amarração – estando colocados na pessoa amarrada, então ela vai protestar e teimar como quiser, que no final ela acabará sempre como o cachorrinho com trela, e que é cedendo!

quer poderosos trabalhos de amarração?

quer um poderoso trabalho de amarração?

Escreva-nos!

Partilhe recomende ou vote neste artigo